Portuguese (Português)

Válvulas HPV

Para pressões máximas e condições difíceis

  • Baixas perdas de fluxo
  • Anel de válvula não metálico com propriedades de amortecimento de superior qualidade
  • Resistente a temperaturas de até 300 ºC (572 ºF)

A válvula HPV da HOERBIGER foi especificamente projetada para uso em condições difíceis. Quer esse uso envolva cloro, hidrocarbonetos, hidrogênio, gases nobres ou metano, as válvulas HPV atendem praticamente todos os requisitos das indústrias de gás natural, química, petroquímica e farmacêutica, assim como de alimentação e eletrônicos. A ampla variedade de usos inclui compressores alternativos e de diafragma, além de equipamentos de arrefecimento; por exemplo, para arrefecimento de turbogeradores a gás ou para mistura de gases.

Altas pressões, operação sem lubrificação adicional ou altas temperaturas não prejudicam a função da válvula. O anel de válvula perfilado, feito de polietercetona (PEK) de material sintético não metálico resistente a altas temperaturas e preenchido com carbono, que tem um ponto de fusão de mais de 370 ºC (698 ºF), permite que a válvula seja usada a uma temperatura operacional de até 300 ºC (572 ºF). A pressão máxima é de 800 bar e, dependendo da temperatura, a pressão diferencial varia de 200 a 400 bar.

As válvulas HPB da HOERBIGER estão disponíveis em diâmetros graduados de 19 a 57 mm (0,75 a 2,24 polegadas) e, dependendo do modelo, a elevação da válvula, junto com a chapa fabricada com aço de mola resistente ao desgaste, varia de 0,6 a 2,0 mm (0,02 a 0,08 polegada). Isso torna essas válvulas, muito robustas, adequadas para compressores com velocidades de rotação de até 1800 rpm. A seleção e o projeto de materiais têm a finalidade de oferecer mais benefícios ao cliente.

Dados Técnicos

Válvula HPV de até
Pressão Máxima 800 bar
Pressão Diferencial 400 bar
Faixa de Temperatura -20°C (-4ºF) +300 °C (+572ºF)
Velocidade de Rotação 1800 rpm